New laptop - Toshiba R630

Lo and behold, I'm back on Windows!

Yesterday I've got myself a brand new machine that comes native with Windows 7 x64.

Guess this concludes a cycle that began two years ago when I removed Vista and installed Ubuntu to use it as a full time replacement desktop OS -

At that time, Vista was a serious nuissance and moving to Ubuntu was a real blessing to prevent me from getting bald in early age.

Now Windows 7 came. Lots of mistakes learned the hard way, hardware continuously evolving and even more experience on my side as I've been using Ubuntu and Mac OSX during this interreign.

Won't spend time talking about the good or bad things on either side but in a true sense can also say that trying to use each one of them for a certain period of time is certainly an enriching experience.

Now, I'm back on my roots and ready to have fun.

Choosing a new machine wasn't easy. So I've asked for opinion to a hardline no-nonsense structural engineer that follows the laptop trends. He needs to work intensively with Autocad, probably the most resource-hungry application in the world, so, who better to ask for an opinion? :)

This guy also happens to be my younger brother and it is interesting to hear his thoughts on new technology.

He recommended the Toshiba R630, a laptop that judging by the pictures that I saw online was probably one of the ugliest and un-sexiest machines on the market.

However, the machine is in fact a hidden gem when you read between the lines and compare it against other laptops.

It comes with an i5 processor (with 4 Intel x64 CPU cores), 4Gb of RAM, battery runs up to 8 hours on economic mode and weights some stunning 1.5 kilograms packed with all that processing power.

And when looking at the machine on real life, it is very discrete and small sized.

There's no fluff on the laptop. The display is not glossy, there are no dummy buttons and it goes against the current trend of PC manufacturers to look like a cheap copy of the MacBooks.

It's a real PC and I'm happy with it.

:)

18 comments:

  1. Olá Nuno,
    Tenho estado muito interessado nesse portátil, mas ainda não encontrei ninguém que o tenha adquirido. Sabes, por acaso como ele se comporta com o autocad / 3ds e Revit? Não preciso de performances de Desktop, mas a gráfica tem que se aguentar de forma aceitável e como esta é onboard tenho algumas dúvidas.
    Eu gosto muito dele porque já vi na loja e é um espectáculo e é mesmo leve.
    Abraço,
    Pedro Costa

    ReplyDelete
  2. Esta máquina é muito boa para puxar a sério. Não a uso para Autocad mas corro aplicações bem puxadas e dá mesmo gosto vê-las a ser distribuidas pelos 4 cpu's com bastante RAM para consumir.


    Apenas recomendo que reinstales o Windows (ou instales uma segunda versão) porque o Windows 7 que vem de fábrica tem todo o tipo de tralha que não precisas e que só atrasa a máquina.

    De resto, se pudesse melhorar alguma coisa:
    - Usava um disco SSD
    - Fazia o upgrade para 8Gb de RAM
    - Arranja o pack extra de bateria

    De defeitos:
    - Quando corres a máquina em peso total, a bateria desaparece numa hora e meia.



    De resto continuo bastante feliz, isto é um cavalo de corrida sério.

    :)

    ReplyDelete
  3. Obrigado!
    Confirmas o que eu pensava sobre esta máquina. Então não achas que a gráfica seja limitada para este tipo de software, pois não?
    Mais uma vez obrigado e parabéns pela tua aquisição.
    Pedro Costa

    ReplyDelete
  4. No meu caso ainda não pude testar a placa gráfica, o processamento que preciso é mais a nível de CPU e como tal não posso ter a certeza se é exactamente aquilo que procuras.

    No entanto, encontras os detalhes técnicos da placa gráfica aqui: http://www.notebookcheck.net/Intel-Graphics-Media-Accelerator-HD.23065.0.html

    Nesse site podes comparar com a placa gráfica do teu portátil actual e ver se será mais rápida ou não.

    :)

    ReplyDelete
  5. Obrigado e abraço,
    Pedro Costa

    ReplyDelete
  6. Nuno,comprei à poucos dias um sony vaioS12mb, e agora deparo-me com a existencia deste toshiba. Ainda estou nos 15 dias de troca de portatil, e visto que custam o mesmo preço 999€, achas que deva manter o vaio ou partir para este R630?

    abraço

    ReplyDelete
  7. Pelo que vejo em anos recentes, o material da Sony é menos resistente e mais lento que a competição.

    Há dez anos atrás quando começaram a aparecer os primeiros Vaio's aí sim eram máquinas imbativeis. Uma espécie de macbooks na época. Hoje em dia, o plástico com que são feitos não dura muito uso e longe vai o brilho dessa época.

    Neste caso, a Toshiba ganha em resistência do chassis e poder de processamento (4 CPU cores).

    O R630 é uma máquina realmente potente e bastante leve. Creio que é uma boa troca em comparação ao Vaio S12.

    :)

    ReplyDelete
  8. Concordo contigo Nuno. Toshiba é mais resistente, tem mais autonomia e apesar do seu look leve e fino tem um processador melhor que o vaio S. A minha duvida centra-se na placa gráfica e memória gráfica, qual dos potateis consegue supeiorizar-se neste campo. O tão abadalado NVIDIA que a sony alberga nos seus porateis ou o mais discreto HD led da Toshiba?

    Apesar de dar destaque neste campo da gráfica, existe alguma diferença entre os 512 mb dedicados (da sony) ou os 1696 partilhados (da Toshiba)?

    Se neste campo a toshiba for do mesmo nivel ou superior então procedo à troca. abraço

    ReplyDelete
  9. Nesse campo já não posso ajudar porque não é algo que eu tenha testado por mim próprio.

    No entanto, encontrei uma tabela com comparações de gráficas no modo bastante completo:

    http://www.notebookcheck.net/Intel-Graphics-Media-Accelerator-HD.23065.0.html

    :)

    ReplyDelete
  10. Realmente é bastante completo o site.
    Obrigado pela ajuda, abraço.
    Miguel Pinto

    ReplyDelete
  11. Achas que ele dá conta do recado para edição(não profissional) de video HD?

    ReplyDelete
  12. Boa pergunta mas não faço ideia. Apenas uso para programação.

    Tanto quanto imagino, não deixa uma pessoa desapontada. Dantes fazia videos em máquinas bem mais limitadas.

    :)

    ReplyDelete
  13. O processador desse computador não tem 4 cores mas sim 2. È um core i5 mas 450M (http://ark.intel.com/Product.aspx?id=49022)

    ReplyDelete
  14. Curiosidade, ainda tens o R630?

    ReplyDelete
  15. Yep. Nunca mais precisei de outro portátil.

    Este Toshiba faz tudo como preciso e aguenta com qualquer carga de trabalho que seja preciso. Creio que já passou das milhares de horas de uso e a bateria continua a durar 3~4 horas.

    Um abraço.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Viva,
      coloquei-lhe um SSD hà uns meses e posso dizer que foi o melhor upgrade que fiz na vida :-)
      Abraço

      Delete
  16. Eu também tenho um e também não penso em trocar. Já lá vão quase 2 anos :-)
    E hà 6 meses meti-lhe um SSD e ficou uma maravilha. Recomendo este upgrade vivamente.

    ReplyDelete